COMPOSTEIRA COM OU SEM MINHOCAS? SAIBA QUAL A MELHOR PARA VOCÊ

Saiba quais as diferenças, as vantagens e as desvantagens do uso ou não de minhocas na sua composteira.

Possuir uma composteira pode trazer muitos benefícios para sua vida. Pois essa forma de reciclagem da matéria orgânica produz um ótimo adubo para as suas plantas e reduz o lixo produzido. Elas podem ser domésticas, ou em escala maior quando são implantadas em comércios e industrias. Podem também ser feitas com minhocas ou sem elas. De forma geral as composteiras atuam na decomposição de materiais orgânicos. Como cascas de frutas e vegetais através da ação de seres vivos (clique aqui para saber como montar sua composteira em casa).

As composteiras podem ser feitas com a utilização de minhocas ou não.  Ocasionando pequenas mudanças no processo de compostagem. Nesse texto falaremos sobre esses dois tipos de composteira. Para que você possa escolher qual delas é a melhor para o seu dia-a-dia.

A compostagem com minhocas ou também conhecida como vermicompostagem utiliza algumas espécies de minhocas (geralmente a utilizada é a minhoca californiana) para fazer a decomposição do material orgânico. O processo é bem simples: elas se alimentam dos resíduos orgânicos que colocamos na composteira, liberam como excreção um ótimo adubo para o solo. Isso ocorre porquê no intestino das minhocas existem diversos microrganismos que fazem a degradação dos resíduos liberando nutrientes que as plantas precisam.

Benefícios do uso de minhocas

  • As minhocas tornam o processo de valorização da matéria orgânica muito mais rápido. E produzem adubo em um espaço de tempo menor do que o realizado por composteiras que não possuem elas;
  • O húmus produzido pelas minhocas é extremamente nutritivo e de fácil absorção pelas plantas. Quando os resíduos orgânicos passam pelo intestino das minhocas a microbiota dentro dele realiza a degradação deles. O produto desse processo é uma excreta com flora microbiana, enzimas e nutrientes que favorecem o crescimento das plantas
  • Não produz odores desagradáveis. As minhocas evitam a degradação da matéria orgânica por agentes como fungos e algumas bactérias. Impedindo a liberação de um odor desagradável na sua composteira.
  • Não há necessidade de ficar revolvendo a terra pois as minhocas já fazem esse serviço para você
  • Por serem animais escavadoras e durante sua movimentação fazem a aeração do solo. Isso resulta em um solo menos compacto e evita a formação de grânulos de terra e também oxigenando ele. Esse processo é muito favorável para o desenvolvimento das plantas. Por facilitar o desenvolvimento das raízes e tornar mais fácil a absorção dos nutrientes.

Mas só tem composteira com minhocas?

A vermicompostagem não é a única maneira de se produzir um excelente adubo natural através da reciclagem dos resíduos orgânicos. Além dela outro método de compostagem utiliza-se dos microrganismos presentes no próprio solo para realizar a decomposição dos resíduos.

Vantagens de compostagem sem minhocas

  • Permite a adição de outros resíduos como cascas de cebola e alho. Estes não podem ser adicionados em uma composteira com minhoca por serem prejudiciais a esses animais;
  • Como não há custos com a compra de minhocas. Requer um menor investimento;
  • Por não precisar se preocupar com a fuga das minhocas a compostagem pode ser feita direto no solo. De forma que, não a necessidade da utilização de caixas;
  • Dispensa alguns cuidados que são necessários na vermicompostagem como, por exemplo: a eliminação de animais que possam predar as minhocas.

 

As principais diferenças entre a vermicompostagem e a realizada diretamente por micro-organismos está na quantidade e no tempo de produção. Uma vez que as minhocas consomem uma maior quantidade de matéria orgânica o produto resultante da compostagem com elas aparece em um espaço de tempo menor.

 

Então, qual você deve escolher?

Na hora de escolher qual dos dois tipos de compostagem utilizar é importante levar algumas coisas em consideração. Por exemplo: o espaço disponível para ela. Caso você tenha uma horta em seu quintal a compostagem seca (feita apenas pelos microrganismos) pode trazer benefícios quando feita direta no solo. Pois o chorume produzido pelos microrganismos se espalha pela terra. No entanto, se você não tem muito espaço em casa, ou mora em apartamento adotar as minhocas em sua composteira é uma boa opção. Uma vez que elas precisam ficar em recipientes fechados para não fugirem. E por consumirem maior quantidade de resíduos permite uso de composteiras de tamanho menor.

Quanto tempo você tem disponível para cuidar dela?

Embora também precisem de cuidados os microrganismos não precisam de tanta atenção quanto as minhocas. Pense nelas como animais de estimação, você precisa ficar atento no microclima da composteira para que elas não adoeçam e o processo de compostagem pare.

Por ter um tempo maior de decomposição da matéria a composteira sem minhocas pode apresentar um odor desagradável quando há o crescimento de algumas bactérias e fungos cujo produto do metabolismo são substâncias malcheirosas. Mas é importante entender que isso pode ocorrer na composteira com minhocas se você não controlar o excesso de umidade dos recipientes (isso pode ser feito colocando matéria seca, como folhas nas caixas).

As composteiras com minhocas são bem mais vantajosas quando o quesito é tempo de decomposição e produção de um adubo mais fértil. Mas algumas pessoas possuem certa aversão a esses bichinhos rastejadores. Independente de qual sua escolha não deixe de aderir a ideia de compostagem. Ela é extremamente benéfica para sua vida e para o planeta.

 

Escrito por: Bruno Godinho – graduando em ciências biológicos pela Universidade Estadual de Maringá e assessor de marketing da Ecoalize

Leave A Reply